Política

Assessoria de Ciro Nogueira é a mais cara entre senadores piauienses

O parlamentar possui mais de 50 servidores, distribuídos em seu gabinete e escritórios de apoio, a maioria são comissionados.
VITOR FERNANDES
01/08/2017 11h38 - atualizado

O Senador Ciro Nogueira (PP) é o que mais utiliza recursos públicos para pagamento de pessoal, em gabinete e escritório de apoio, entre os senadores do Piauí. Ciro conta com 33 pessoas em seu gabinete, sendo 28 comissionados, 4 terceirizados e um efetivo. Em seu escritório de apoio há 21 pessoas, todas comissionadas. A trabalhadora efetiva, por exemplo, tem remuneração básica de mais de R$ 19 mil, de acordo com o site do Senado.

  • Foto: Marcos Oliveira/Agência SenadoSenador Ciro Nogueira (PP-PI)Senador Ciro Nogueira (PP-PI)

De acordo com um levantamento feito pela Contas Abertas, os 81 senadores em exercício no Brasil, estão com cerca de 3,5 mil pessoas trabalhando em seus gabinetes ou escritórios de apoio. Os senadores desfrutam um subsídio de R$ 33.763,00, recebem valores de cota parlamentar, tem despesas com saúde e demais benefícios pagos com dinheiro público.

Ciro Nogueira ganhou, de acordo com portal da transparência do Senado Federal, R$ 5 mil mensais a título de auxílio-moradia de janeiro a junho deste ano. No mês passado ganhou R$ 5.607,68 a título de diária e quase R$ 17 mil reais referente a antecipação e gratificação natalina. Em 2017, já utilizou quase R$ 170 mil de cota parlamentar, quase R$ 45 mil com viagens oficiais e mais de R$ 44 mil com correios.

Mais conteúdo sobre: