Piauí

Buraco nas ruas é maior reclamação dos teresinenses à Prefeitura

Em segundo lugar ficam as denúncias de focos de dengue e flagras de veículos estacionados em locais impróprios.
RAYANE TRAJANO
31/03/2017 09h46 - atualizado

A Prefeitura de Teresina utiliza, desde 2016, o aplicativo Colabe.re como uma canal de relacionamento para ouvir demandas da população, em relação a problemas urbanos. As principais reclamações dos teresinenses pelo aplicativo são buracos nas ruas e avenidas da capital.

A página da Prefeitura de Teresina tem quase quatro mil seguidores, sendo a maior parte deles, homens. Os registros de buracos em rodovias somam 18,3% das publicações do seguidores.

Em segundo lugar ficam as denúncias de focos de dengue, com 9,6% dos registros. Flagras de veículos estacionados em locais impróprios também tem percentual próximo, 9,4% das reclamações.

  • Foto: Colabe.reTotal de registrosTotal de registros

Entre os registros de buraco, um dos usuários cita a Rua Firmino Pires, no bairro São Pedro, zona sul. “Serviço foi iniciado, mas foi abandonado com vários materiais na rua e calçada, serviço parado desde o dia 10. Essa rua dá acesso a associação dos cegos, ocorrendo vários acidentes. Fica no cruzamento da rua Firmino Pires com rua Beneditinos no bairro São Pedro”, escreveu.

  • Foto: Colabe.reRua Firmino Pires, bairro São PedroRua Firmino Pires, bairro São Pedro

De acordo com a prefeitura, as denúncias são vistas e avaliadas pela Ouvidoria da Prefeitura de Teresina, que encaminha o problema aos setores responsáveis. Na maioria das publicações, há uma resposta aparentemente automática da Prefeitura. “Recebemos sua publicação e encaminhamos para o time responsável. Você receberá um e-mail e/ou notificação no celular se tivermos alguma novidade a respeito da sua demanda”, é a resposta, que vem acompanhada do número de protocolo.