Geral

Caixa pode contratar bancários sem realizar concurso público

Contraf alega que a medida permite o fim dos concurso na instituição.
GABRIEL SOARES
05/08/2017 12h50 - atualizado

A Caixa Econômica Federal pretende contratar funcionários temporários sem a realização de concurso público. A decisão é possível a partir de uma alteração no regulamento interno da instituição financeira. A Confederação Nacional de Trabalhadores do Ramo Financeiro alega que a media pode acabar com certames para contratação de funcionários no banco.

Segundo um documento obtido pela Agência Reuters, a Caixa define as regras para contratação do que chamou de "bancário temporário", "que poderá executar tanto as atividades-meio como as atividades-fim da Caixa".

  • Foto: Reprodução/Street ViewAgência da Caixa Econômica Federal em TeresinaAgência da Caixa Econômica Federal em Teresina

Com isso, atividades não diretamente ligadas a serviços bancários e postos ocupados por funcionários concursados, como caixas e escriturários, poderão ser executados por profissionais comissionados, sem passar por algum tipo de concurso.

Para a Contraf, a medida significa que o banco não mais realizará concursos públicos para a contratação de seus funcionários e nem vai convocar os concursos para assumir o lugar dos que se desligaram nos planos de aposentadorias.

“Esse governo está promovendo um verdadeiro desmonte da Caixa e prejudicando seu papel de banco público. Essa norma é mais um passo deste desmonte, que será discutido com o banco em reunião agendada para o dia 15/08”, disse Dionísio Reis, coordenador da Comissão Executiva dos Empregados da Caixa (CEE/Caixa).

Mais conteúdo sobre: