Política

Deputados aprovam venda de bebidas alcoólicas dentro de estádios

Fica proibida a venda de bebidas destiladas ou com teor alcoólico superior a 14%.
MARCOS CUNHA
06/07/2017 07h50 - atualizado

Nesta quarta-feira (05), o plenário da Assembleia Legislativa do Piauí aprovou o Projeto de Lei 142/15, que garante a liberação e regulamenta a venda e consumo de bebidas alcoólicas dentro dos estádios e espaços de campeonatos esportivos do Piauí.

Com a aprovação, o projeto de lei agora segue para a sanção do governador do Piauí, Wellington Dias (PT). O projeto é de autoria do deputado estadual Júlio Arcoverde (PP), que alegou que a medida vai fornecer uma nova possibilidade de arrecadação aos clubes e federações do estado.

“A ideia é permitir acordos com empresas de bebidas para conseguir receita e facilitar a captação de verba para reformas ou a simples manutenção dos estádios, oferecendo - em contrapartida - um período de exclusividade sobre a venda de bebidas naquele estádio”, escreveu o deputado.

  • Foto: Reprodução/FacebookDeputado Júlio Arcoverde (PP)Deputado Júlio Arcoverde (PP)

O projeto estabelece que as bebidas só poderão ser servidas em copos e garrafas plásticas ou latas de alumínio, além de serem proibidas a venda de bebidas destiladas ou com teor alcoólico superior a 14%.

Consumidores que não seguirem as exigências podem ser multados em até R$ 1.600. No caso de vendedores, a multa pode chegar a R$16.000.

Mais conteúdo sobre: