Piauí

Deputados condenam agressão sofrida por Marcelo Castro em aeroporto

Deputado federal foi recebido sob xingamentos e gritos de 'golpista' em protesto.
MARCOS CUNHA
16/05/2017 16h40 - atualizado

Na manhã desta terça-feira (16), parlamentares piauienses da Assembleia Legislativa condenaram a agressão praticada contra o deputado federal Marcelo Castro, presidente regional do PMDB no Piauí, durante manifestação contra as reformas trabalhista e da previdência, realizada ontem (15) no aeroporto de Teresina.

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Themístocles Filho (PMDB), destacou que ninguém tem o direito de agredir outra pessoa e que foi injusto chamar Marcelo Castro de golpista, considerando que ele votou contra o impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

  • Foto: Divulgação/AlepiDeputados estaduais condenam agressão contra Marcelo CastroDeputados estaduais condenam agressão contra Marcelo Castro

O deputado Rubem Martins (PSB) afirmou que a agressão contra o parlamentar peemedebista foi um ato triste e deprimente, enquanto o deputado João Madison, líder do PMDB, declarou que todos têm o direito de defender suas opiniões e que a minoria de petistas presentes à manifestação não representava o Partido dos Trabalhadores.

Por sua vez, o líder do Governo, deputado João de Deus (PT), disse que “o direito de manifestação é legítimo, mas condeno qualquer tipo de agressão”. Já o deputado Gustavo Neiva, líder do PSB, disse esperar que “fatos como este que aconteceu com o deputado Marcelo Castro não se repitam em nosso Estado”.

Durante o protesto, manifestantes da CUT, MST e sindicatos direcionaram gritos de ‘golpista’ e xingamentos ao deputado, que foi cercado durante o protesto. Em um dos momentos de um vídeo, a professora Lourdes Melo (PCO) fica cara a cara com o peemedebista. Após ser empurrado e insultado pelos manifestantes, Marcelo Castro não hesitou em revidar com um chute deferido contra uma manifestante. O deputado precisou ser escoltado por outras pessoas para conseguir passar pelo protesto.