Polícia

Engenheiro agredido em evento do PT vai depor amanhã (13)

Segundo o delegado, já foi solicitado por ofício o nome da pessoa que alugou o local para o evento no dia da agressão.
ISABELA DE MENESES
12/09/2017 15h15 - atualizado

O caso do engenheiro Herbert dos Santos Matos Júnior que sofreu agressões no evento do PT durante a visita do ex-presidente Lula à Teresina, no clube da Associação do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Apcef), está sendo investigado pelo delegado Ademar da Silva Canabrava, do 12º Distrito Policial, que conversou com o Viagora nesta terça-feira (12).

O delegado informou, que ainda não escutou o engenheiro, por conta do seu estado de saúde, mas que Herbert vai depor amanhã (13).

  • Foto: Lucas DiasDelegado CanabravaDelegado Canabrava

Segundo o delegado, já foi solicitado por ofício o nome da pessoa que alugou o local para o evento no dia da agressão, e duas testemunhas do caso foram ouvidas. Também foi analisado uma filmagem, mas segundo o delegado, não está nítida. 

“Ainda não responderam [os ofícios], estamos aguardando, devem responder hoje ou amanhã. Já ouvimos testemunhas, um casal e tem uma imagem de um segurança que discutiu com esse cara, mas não dá para ver direito”, explicou Canabrava.

Mais conteúdo sobre: