Piauí

Governo prepara licitação para construção de residencial para PMs

Para a construção dos imóveis, serão utilizados recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE).
ISABELA DE MENESES
09/06/2017 14h02 - atualizado

A Agência de Desenvolvimento Humano (ADH) vai abrir edital para a construção do Condomínio Tiradentes. O empreendimento é voltado para os policiais militares do Piauí que ainda não possuem casa própria. Para a construção dos imóveis, serão utilizados recursos do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) e Sistema Brasileiro de Poupança e Empréstimo (SBPE).

De acordo com a diretora-geral da ADH, Gilvana Gayoso, o programa vai seguir as normas do Minha Casa Minha Vida (MCMV) e terá como agente operador e financeiro a Caixa Econômica Federal. "O edital será publicado dentro de 15 dias, no Diário Oficial do Estado e beneficia famílias com faixa de renda a partir de R$ 1.800. Dependendo da renda, o beneficiário poderá receber até 30 mil de subsídio do governo. Depois de concluído o processo licitatório, vamos iniciar as obras”

Silvana completou falando que a iniciativa vai servir para financiar o fundo de previdência. “Serão construídos apartamentos de 2 e 3 quartos, dentro de um condomínio fechado, com guarita de segurança, piscina, quadra de esporte, um centro comercial, onde o aluguel desses pontos será destinado ao Fundo da Previdência”.

Mais conteúdo sobre: