Piauí

Iaspi suspende atendimento do Plamta em hospitais da Unimed

A medida foi tomada após a descoberta de irregularidades envolvendo o Unimed Primavera.
GABRIEL SOARES
18/09/2017 09h20 - atualizado

O Instituto de Assistência à Saúde do Servidor Público do Estado (Iaspi), divulgou em nota, a suspensão no atendimento de serviços do Plamta em hospitais da Unimed. A decisão do órgão público foi tomada porque a empresa cometeu irregularidades junto ao instituto.

Conforme o texto, a Unimed possui duas unidades hospitalares na cidade – nos bairros Ilhotas e Primavera. Porém, somente a Unimed Ilhotas é cadastrada no Iaspi. Em tese, o instituto não tem convênio com a outra unidade da empresa.

  • Foto: Street ViewHospital Unimed IlhotasHospital Unimed Ilhotas

Entretanto, após a realização de uma auditoria interna, foi constatado que o Hospital Unimed Primavera realizava procedimentos administrativos irregulares utilizando o CNPJ da unidade do Ilhotas. A Unimed Teresina não apresentou faturas e notas de serviços prestados solicitados de forma regular, descumprindo o trâmite essencial para que efetivação dos repasses.

A Iaspi também declarou que lamenta a suspensão dos atendimentos no hospital do Ilhotas e também declarou que “segue com o pagamento regular da sua rede credenciada e os fatos envolvendo a Unimed são pontuais”.

Ainda segundo a nota, os beneficiários não ficarão sem atendimento “devido à grande quantidade de hospitais e clínicas credenciadas” no Plamta. A prestação de serviços segue normalmente nos hospitais São Marcos, Santa Maria, ProntoMed Adulto, Itacor, HTI e Hospital da Polícia Militar. Atendimento adulto e infantil também segue normalmente nos hospitais: São Paulo, São Pedro e ProntoMed Infantil.

Mais conteúdo sobre: