Política

Imagens mostram entrega de propina destinada à Temer e Aécio; veja

Deputado Rocha Loures (PMDB-PR) e Frederico Pacheco foram flagrados em "ações controladas" da Polícia Federal.
MARCOS CUNHA
com informações do O GLOBO
18/05/2017 15h27 - atualizado

O jornalista Lauro Jardim divulgou, em matéria exclusiva para O Globo, as imagens que comprovam o pagamento de propina aos indicados do presidente Michel Temer (PMDB) e do senador Aécio Neves (PSDB). Nas cenas do flagra da Polícia Federal, é possível ver toda a movimentação do deputado Rodrigo Rocha Loures (PMDB-PR) e do primo de Aécio, Frederico Pacheco.

Nas imagens, Rodrigo é flagrado pegando R$ 500 mil em propina, a primeira parcela de um montante prometido de R$ 480 milhões. As cenas abaixo mostram todo o encontro, que aconteceu no fim do mês de abril.

  • Foto: O GLOBOA entrega de dinheiro para o indicado por Temer, deputado Rodrigo LouresA entrega de dinheiro para o indicado por Temer, deputado Rodrigo Loures

No dia 12 de abril, a Polícia Federal também filmou Frederico pegando R$ 1,5 milhão em propina, o valor representa três quartos dos R$ 2 milhões que Aécio pediu para Joesley. O dinheiro foi entregue pelo diretor de Relações Institucionais da JBS, Ricardo Saud, um dos delatores do caso. A PF filmou três entregas.

Após receber o dinheiro, Fred repassou as malas para o secretário parlamentar do senador Zeze Perrella (PMDB-MG Mendherson Souza Lima). Mendherson levou de carro a propina para Belo Horizonte.

  • Foto: O GLOBOPrimeira entrega para o primo do senador Aécio Neves, o FredPrimeira entrega para o primo do senador Aécio Neves, o Fred

Um dos grandes diferenciais da delação dos donos da JBS foi exatamente as "ações controladas" feitas pela Procuradoria-Geral da República (PGR) e pela Polícia Federal. Neste tipo de investigação, o flagrante do crime é calculado de maneira que seja produzida uma determinada prova. Nessa investigação, a PF acompanhou as entregas de propina com câmeras e escutas.

  • Foto: O GLOBOSegunda entrega para Fred, primo do senador Aécio Neves (PSDB)Segunda entrega para Fred, primo do senador Aécio Neves (PSDB)

Mais conteúdo sobre: