Piauí

Inscrições para o concurso da FMS de Teresina estão abertas

O concurso vai ser realizado pela Universidade Estadual do Piauí, através do Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (Nucepe).
ISABELA DE MENESES
10/07/2017 11h49 - atualizado

As inscrições do processo seletivo para substituição de profissionais da área administrativa e de saúde da Fundação Municipal de Saúde (FMS) foram abertas nesta segunda-feira (10). Os interessados podem se inscrever até o dia 21 de julho no endereço http://nucepe.uespi.br.

O concurso vai ser realizado pela Universidade Estadual do Piauí, através do Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (Nucepe). A taxa de inscrição é de R$ 150 para o nível superior em medicina, R$ 100 para os outros cargos de nível superior.

Já para os participantes de nível médio a taxa é de R$ 80 e de nível fundamental pagará taxa de R$ 60. Também vão ser deferidos pedidos de isenção de pagamento de taxa de inscrição de acordo com a Lei Municipal Nº 4. 295. A prova escrita objetiva será realizada no dia 20 de agosto de 2017.

  • Foto: DivulgaçãoSílvio MendesSílvio Mendes

O seletivo oferece 760 vagas, 110 para nível fundamental, 273 para nível médio, 377 níveis superior, sendo 232 para médico, 145 técnico nível superior. Todos os cargos e atribuições podem ser conferidos no edital, que vai ter validade de um ano com possibilidade de prorrogação por igual período.

"Estamos trabalhando para oferecer uma saúde pública de maior qualidade e com mais agilidade. Por isso será realizado o processo seletivo para substituição de profissionais na rede de saúde de Teresina. Na Saúde, tudo é urgente e a população não pode ficar sem atendimento por conta da licença de um servidor, que está usando do seu direito. Decidimos fazer o teste seletivo porque este é o método onde prevalece a competência profissional", explicou Sílvio Mendes, presidente da FMS.

Nos casos das substituições de profissionais de área administrativa e da saúde são para os casos de afastamento legais de servidores por motivos diversos previstos no Estatuto do Servidor.

“O vínculo é temporário e a lotação será nos hospitais, unidades básicas de saúde e outros setores, de acordo com as necessidades da FMS. O período das substituições obedece aos prazos legais estabelecidos no Estatuto do Servidor”, disse Nonato Moura, diretor de Recursos Humanos da FMS.