Piauí

Juiz Federal aceita denúncia contra ex-prefeito Alcindo Piauilino

A decisão do juiz federal Jamyl de Jesus Silva, da 3ª Vara Federal da Seção Judiciária do Piauí, é do dia 16 de março de 2017.
RAYANE TRAJANO
29/03/2017 10h39 - atualizado

O juiz federal Jamyl de Jesus Silva, da 3ª Vara Federal da Seção Judiciária do Piauí, decidiu receber denúncia formulada pelo Ministério Público Federal (MPF), contra o ex-prefeito de Bom Jesus, Alcindo Piauilino Benvindo Rosal. A decisão é do dia 16 de março de 2017.

O MPF relatou que o ex-prefeito deixou de realizar procedimentos licitatórios que justificassem a exclusividade da contratação das empresas Global Editora e Distribuidora LTDA, M.M. Marinho Lages Com. Indústria, Artes Gráficas e Editora Unificada LTDA, existindo portanto, irregularidades nas contas referente ao exercício de 2008, e malversação de recursos públicos federais do Fundeb.

  • Foto: Facebook/Alcindo PiauilinoAlcindo PiauilinoAlcindo Piauilino

Foram juntadas também documentos do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE) que comprovam os indícios de irregularidades nas contas do município naquele ano. Assim, o juiz determinou que o ex-prefeito apresente defesa sobre o caso no prazo de 10 dias.

Alcindo Piauilino concorreu novamente ao cargo de prefeito do município de Bom Jesus nas eleições de 2016, com a coligação “Juntos por Bom Jesus”, mas não conseguiu vitória.

Outro lado

O Viagora tentou contato com o ex-prefeito Alcindo Piauilino, nessa terça-feira (28), mas não conseguiu localizá-lo para comentar o caso.