Política

Justiça decide manter vídeo que Regina Sousa é chamada de "anta"

Joice critica o discurso da parlamentar piauiense a respeito do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.
ISABELA DE MENESES
23/08/2017 10h17 - atualizado

Uma decisão liminar que obrigava o Youtube a excluir um vídeo da blogueira Joice Hasselmann, que critica a senadora Regina Sousa (PT-PI) e usa adjetivos negativos para se referir a ela, foi suspensa pela 8ª Turma Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal.

Alguns dos termos usados pela youtuber no vídeo são, “anta”, “gentalha”, “semianalfabeta”, “cretina” e outros. Joice critica o discurso da parlamentar piauiense a respeito do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff.

A liminar que determinou a suspensão foi dada em primeira instância, que levou em consideração que a blogueira ofendeu a dignidade de Regina Sousa, o que não é o papel de alguém que utiliza a mídia para expor ideias.

  • Foto: DivulgaçãoRegina Sousa e Joice HalssemannRegina Sousa e Joice Halssemann

Depois da decisão liminar, o Google entrou com recurso e em decisão monocrática e por determinação do desembargador Diaulas Costa Ribeiro do 8º Turma Cível do TJ-DF, o discurso de Joice não é suficiente para obrigar exclusão do vídeo.

"A liberdade de expressão, para ser garantida, não precisa ficar confinada ao debate polido entre estranhos políticos", disse Diaulas Costa para justificar a decisão de manter o vídeo no Youtube.

Regina Sousa comentou a decisão em pronunciamento no Plenário do Senado e afirmou que não vai seguir padrões estéticos para agradar os outros, porque para lutar não precisa disso. “Desde menina eu sou lutadora e não vou desistir agora de lutar", declarou. 

Mais conteúdo sobre: