Piauí

Lojas irão funcionar mesmo com greve de comerciários em Teresina

Enquanto o sindicato dos comerciários afirmou que os trabalhadores vão participar da greve geral desta sexta-feira (28), o Sindlojas informou que os estabelecimentos estarão abertos normalmente.
GABRIEL SOARES
27/04/2017 12h26 - atualizado

O Sindicato dos Lojistas do Comércio do Estado do Piauí (Sindilojas/PI), anunciou nesta quinta-feira (27) que o comércio funcionará normalmente nesta sexta-feira (28). Porém o Sindicato dos Comerciários do Piauí (Sindcom) anunciou que entrará na greve geral dos trabalhadores agendada para o mesmo dia. 

  • O Sindlojas divulgou uma nota esclarecendo que as lojas do centro irão funcionar normalmente durante a paralisação nacional, pois o sindicato não aderiu ao movimento. Devido as manifestações previstas para acontecer no centro de Teresina solicitaram pedidos de reforço policial e ajuda da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsitos (Strans).
  • Foto: Street ViewRuas do centro de TeresinaCentro de Teresina

Porém, o posicionamento do Sindcom é diferente. De acordo com Iraneide Ribeiro, diretora do Sindicato, os comerciários aderiram ao movimento no dia (28), portanto os trabalhadores irão aderir à greve durante todo a sexta-feira, mesmo depois da declaração da nota do Sindlojas. “Eles são nossos patrões, querem abrir de qualquer jeito, mas amanhã haverá greve dos comerciários”, pontuou Iranilde.

Questionado sobre o posicionamento dos comerciários, o Sindicato dos Lojistas afirmou que as lojas abrirão e que os trabalhadores que não estiverem em seus postos de trabalho sofrerão penalizações trabalhistas.