Piauí

Mais de 80% dos homicídios no litoral do Piauí são por arma branca

O porte desse tipo de arma é considerado delito, podendo ser aplicada a pena de seis meses de prisão.
JOSEFA GEOVANA
18/08/2017 15h53 - atualizado

Dados apurados pelo Ministário Público do Estado do Piauí apontam que em mais de 80% dos casos de homicídio julgados na cidade de Parnaíba foram utilizados como instrumentos armas brancas, que são facas, punhais, facões, entre outras.

O porte desse tipo de arma é considerado delito, podendo ser aplicada a pena de seis meses de prisão. Para o promotor Ari Martins, carregar uma arma branca pode facilitar a prática dos crimes considerados graves. Somente em 2017 foram realizadas mais de dez sessões no Tribunal Superior do Júri para tratar de casos no qual a arma branca é utilizada.

Com a divulgação dos dados alarmantes, e o aumento de crimes envolvendo esse tipo de armamento, foi solicitado pela Promotorias de Justiças de Parnaíba ao comandante da Polícia Militar a condução de qualquer pessoa que esteja portando qualquer tipo de arma branca à Central de Flagrantes, onde deverão passar por todos os procedimentos necessários.

“Como parcela de tais homicídios poderia ter sido evitada, acaso seus autores não portassem arma branca, enfrentar tal quadro é medida de segurança pública que se impõe”, explicou o Promotor de Justiça Ari Martins, da 5ª Promotoria de Justiça de Parnaíba.