Política

Marcelo Castro diz que consequência das delações é 'devastadora'

Para Marcelo Castro, diante da atual conjuntura política, deve-se apressar as discussões sobre a Reforma Política.
RAYANE TRAJANO
19/05/2017 08h21 - atualizado

“A consequência é devastadora”, essa foi a declaração do deputado federal Marcelo Castro sobre as delações dos donos da JBS. O deputado comentou o efeito no Congresso Nacional e disse que a crise criada atrapalha as votações das propostas do Governo.

Para Marcelo Castro, diante da atual conjuntura política, deve-se apressar a Reforma Política, que ainda está em fases iniciais.

“A consequência é devastadora. Não há clima, eu vejo, para votar a Reforma da Previdência, como estava marcado para votar agora no final do mês. Isso é questão ultrapassada. Tem que se criar uma nova situação, nova feição, novas forças para ter harmonia e segurança para poder avançar essa reforma. A única reforma que eu acho que pode não atrapalhar é a política, porquê quanto mais grave a situação, mais necessária ela é”, declarou.

  • Foto: AscomMarcelo CastroMarcelo Castro

Em relação às acusações contra Temer, o deputado disse que espera o resultado das investigações.

“Numa coisa, pelo menos, ele [Temer] está certo: ele pede celeridade nas investigações, para que se chegue rapidamente a uma conclusão, porque essa dúvida, como o próprio presidente falou, só atrapalha o Brasil”, declarou o deputado em entrevista a uma TV local, nesta sexta-feira (18).

Mais conteúdo sobre: