Piauí

Mulheres ganham pela primeira vez concurso de grafite dos Folguedos

O grafite ganhador tem como título “As mulheres guerreiras” e retrata duas mulheres bem características da cultura piauiense.
ISABELA DE MENESES
28/08/2017 15h17 - atualizado

O Festival de Folguedos deste ano teve pela primeira vez no concurso de grafite mulheres, que também se destacaram nas primeiras posições, mostrando trabalhos autorais e com traços bem demarcados.

O grafite ganhador tem como título “As mulheres guerreiras” e retrata duas mulheres bem características da cultura piauiense, uma quebradeira de coco e a outra catadora de caju.

  • Foto: AscomConcurso de grafite no festival de FolguedosConcurso de grafite no festival de Folguedos

“Eu criei essas duas personagens porque acho importante a gente retratar a mulher. Isso é uma grande vitória, porque são poucas as mulheres do grafite e a gente ganhar assim na primeira vez que participa é muito massa”, disse ganhadora do concurso, Alana Oliveira, a Lanak.

Já a terceira colocada, Ludmila Monteiro, seguiu a mesma temática, focada no feminino e grafitou a tela “Menina, não dê asa a cobra”.  “Resolvi fazer esse tema recorrente nos cordéis, retratando a cobra e a mulher. Trouxe isso para o meu trabalho autoral, que também foca no feminino, e casei as duas temáticas”.