Geral

PIB brasileiro cresce 1% em 2017 após dois anos de queda

A queda acumulada do PIB foi de 2,3% em 2016.
GABRIEL SOARES
01/06/2017 16h13 - atualizado

O Produto Interno Bruto do Brasil cresceu 1% no primeiro trimestre de 2017, em relação ao último trimestre de 2016. Essa foi a primeira alta registrada nos últimos dois anos consecutivos de queda. O PIB recuou 0,4 % em comparação com o mesmo período em 2016. Em relação ao ano passado, houve uma redução acumulada de 2,3%. O setor que mais cresceu foi a agropecuária.

  • Foto: Divulgação/Governo do EstadoAgricultura tem maior cescimento nos últimos 20 anos.Agricultura tem maior cescimento nos últimos 20 anos.

De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a taxa de investimento no primeiro trimestre de 2017, o PIB totalizou R$ 1,6 trilhão. A taxa de investimentos no primeiro trimestre de 2017 foi de 15,6% do PIB, abaixo da observada no mesmo período do ano anterior (16,8%).

A atividade que teve maior crescimento foi o setor agropecuário, registrando o maior crescimento dos últimos 20 anos, correspondente a 15,2% em relação ao mesmo período do ano anterior. Já a indústria e setor de serviços tiveram reduções em reação ao mesmo período em 2016, com 1,1% e 1,7%, respectivamente.

Pelo oitavo trimestre seguido, todos os componentes da demanda interna apresentaram resultado negativo na comparação com igual período do ano anterior. No primeiro trimestre de 2017, a Despesa de Consumo das Famílias caiu 1,9%. Esse resultado é explicado por indicadores de crédito e mercado de trabalho ao longo do período.

A Formação Bruta de Capital Fixo sofreu contração de 3,7% no primeiro trimestre de 2017, a décima segunda consecutiva. No setor externo, as Exportações de Bens e Serviços apresentaram crescimento de 1,9%, enquanto que as Importações de Bens e Serviços se expandiram em 9,8% no primeiro trimestre de 2017.