Geral

PNE completa três anos com 20% das medidas concluídas

Seis medidas foram realizadas total ou parcialmente e oito estão com o prazo vencido.
GABRIEL SOARES
23/06/2017 16h29 - atualizado

O Plano Nacional de Educação só concluiu 20% de suas ações previstas para 2017, segundo levantamento feito por instituição do setor e divulgada pelo Observatório do PNE (OPNE). A lei completa seu terceiro ano neste domingo (25). A iniciativa possui 20 projetos centrais com diferentes prazos, sendo o prazo final para 2024. O plano é organizado pelo MEC.

  • Foto: Divulgação/Ministério da EducaçãoO ministro da Educação, Mendonça Filho.O ministro da Educação, Mendonça Filho.

De acordo com o balanço de três anos da pesquisa, apenas seis dos 30 dispositivos relacionados à Educação Básica que deveriam ter sido cumpridos até o ano de 2017 foram realizados total ou parcialmente segundo dados reunidos por parceiros do OPNE. Ainda segundo o levantamento, oito metas têm prazos de conclusão vencidos.

As organizações parceiras do OPNE, relatam que o plano de ação precisa priorizar as metas e estratégias relacionadas ao aprimoramento da transparência e da governança; a formação inicial e continuada dos professores; a valorização salarial e da carreira docente; a redução das desigualdades; e a garantia do acesso em estabelecimentos com infraestrutura digna para alunos e profissionais da Educação.

Sobre o Observatório do PNE

O Observatório do PNE é uma plataforma online que tem como objetivo monitorar os indicadores referentes a cada uma das 20 metas do Plano Nacional de Educação (PNE) e de suas respectivas estratégias, e oferecer análises sobre as políticas públicas educacionais já existentes e que serão implementadas ao longo dos dez anos de vigência do Plano. A ideia é que a ferramenta possa apoiar gestores públicos, educadores e pesquisadores, mas especialmente ser um instrumento à disposição da sociedade para que qualquer cidadão brasileiro possa acompanhar o cumprimento das metas estabelecidas.

Mais conteúdo sobre: