Polícia

Polícia prende duas pessoas por "estupro virtual" em Teresina

Um homem teria chantageado uma mulher para não expor suas fotos íntimas.
GABRIEL SOARES
04/08/2017 09h14 - atualizado

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática cumpriu dois mandados de prisão temporária e um de busca e apreensão na manhã desta sexta-feira (04). Ação ocorreu devido a ocorrência de crimes virtuais contra uma mulher em junho deste ano.

  • Foto: Divulgação/Polícia CivilPolícia Civil cumpre mandados de prisão e de busca e apreensão contra um suspeito de crimes virtuais.Polícia Civil cumpre mandados de prisão e de busca e apreensão contra um suspeito de crimes virtuais.

A Polícia Civil informou que um homem identificado como “Mévio”, tirou fotos íntimas da vítima sem seu consentimento em quanto ela estava dormindo em sua casa. O suspeito criou um perfil falso em uma rede social e começou a fazer ameaças a vítima, onde ela devia fazer tudo o que lhe ordenava. Caso contrário, divulgaria uma outra conta falsa, essa com fotografias de familiares da vítima, inclusive de seu filho menor de idade, além das fotografias íntimas já em seu poder.

Diante da intimidação feita pelo suspeito, a vítima sucumbiu às exigências do criminoso passando a enviar várias fotos de conteúdo íntimo. Porém, o criminoso exigiu que a vítima enviasse também fotografias dela praticando atos libidinosos consigo mesma caracterizando assim o crime de estupro.

  • Foto: Divulgação/Polícia CivilPolícia Civil cumpre mandado de busca e apreensão contra um suspeito de crimes virtuais.O criminoso criou uma conta falsa onde iria expor todas as suas fotos íntimas caso ela não lhe obedecesse.

A expressão estupro virtual é um neologismo ainda quase desconhecido no Brasil. O termo se refere a este tipo de conduta criminosa feita pelo acusado, caracterizada como uma forma de exploração sexual ou pornográfica, em troca da preservação em sigilo de imagem ou vídeo da vítima em nudez total ou parcial, ou durante relações sexuais, previamente guardadas.

Mais conteúdo sobre: