Piauí

Pontos de Wi-Fi grátis do Piauí passam de 2 milhões de acessos

O resultado mostrou que foram realizadas 217.632 conexões na rede no mês de abril de 2017.
ISABELA DE MENESES
12/05/2017 08h59 - atualizado

A equipe técnica da Agência de Tecnologia da Informação do Piauí (ATI) realizou um levantamento a respeito dos pontos de internet livre do Piauí Conectado. O resultado mostrou que foram realizadas 217.632 conexões na rede do Governo só no mês de abril. Piripiri aparece novamente como o município que mais se conectou com um total de 43.928 acessos, seguido do Centro Administrativo, em Teresina, com 23.812 e do litoral do Estado com 21.282. Em abril a iniciativa completou um ano de funcionamento, nesse período já foram contabilizados mais de 2 milhões de acessos.

Para o diretor-geral da Agência de Tecnologia, Avelyno Medeiros, o Piauí Conectado tem como consequência o desenvolvimento social do Estado. “Esse programa vai construir no Piauí um cinturão de fibra ótica interligando todas as unidades administrativas do estado, isso vai garantir a modernização de todos os órgãos que estarão se comunicando com dados, imagens e vídeo dentro de uma mesma rede de informação”, exaltou.

Beatrice Brito, moradora de Piripiri, acredita que o projeto é positivo para os moradores da cidade onde mora. “Eu trabalho no Residencial Petecas e lá a gente tem [o programa] na rotatória, você precisa ver o tanto que é útil esse programa para os moradores de lá, pois eles vão fazer trabalhos das escolas, eles vão pesquisar artigos, vão se comunicar com o mundo, é um projeto de grande valia para o nosso município e para todo o estado, eu torço todo dia para que o governador tenha recursos para ampliar cada dia mais esse serviço”.

O projeto ainda está em fase de consulta pública e provavelmente deve ser licitado logo. A previsão para a conclusão é de 24 meses. “A cada 15 dias, três municípios dos 96 contemplados recebem a fibra ótica e a conectividade já fica operando, não é necessário esperar a conclusão total para que a rede comece a operar, então trata-se de um serviço inovador que conta com total apoio do governador Wellington Dias, que possui dentro do seu programa de gestão a inclusão digital como meta”, explicou Avelyno Medeiros.