Piauí

Prefeitura de Floriano diz que desconhece investigação do MPT

A nota enviada informa que o Ministério Público do Trabalho ainda não notificou o prefeito ou qualquer representante do Executivo.
RAYANE TRAJANO
06/10/2017 11h17 - atualizado

O secretário de Comunicação do município de Floriano enviou nota de esclarecimento, nesta sexta-feira (06),  a respeito de matéria publicada pelo Viagora no dia 03 de outubro, intitulada “MPT investiga prefeito Joel Rodrigues por explorar trabalho infantil”.

A nota informa que o Ministério Público do Trabalho ainda não notificou o prefeito ou qualquer representante do Executivo e que a defesa será feita assim que o teor da denúncia for conhecido.

Veja a nota na íntegra:

O procurador do município de Floriano Marlon Brito informou que o município não foi notificado desta denúncia e que, assim que o for, conhecendo o teor da denúncia fará a sua  defesa.

Ele disse achar estranha a notícia, veiculada somente neste portal, já que o município de Floriano não contrata serviço de catadores de lixo, nem de menores de idade em qualquer atividade, e nem tem qualquer ligação formal com entidades ou cooperativas que  representam os catadores de lixo da cidade. Pelo contrário, a prefeitura, através de seus profissionais da área social tem um trabalho específico de combate ao trabalho infantil.

Marlon Brito também estranhou o fato de o site informar que não conseguiu contactar o município para responder a denúncia, já que o prefeito não recebeu ligação do site, nem seus secretários de Governo e de Comunicação, cujo relacionamento com a mídia é de fácil acesso.