Piauí

Promotor investiga contratação de advogados pelo prefeito Joel de Lima

O processo foi aberto no dia 17 de abril deste ano, pelo Promotor de Justiça da Comarca de São Pedro do Piauí.
RAYANE TRAJANO
11/05/2017 15h41 - atualizado

O Ministério Público do Estado do Piauí, por meio de seu Promotor de Justiça da Comarca de São Pedro do Piauí, abriu investigação contra o prefeito de Miguel Leão, Joel de Lima. O processo foi aberto no dia 17 de abril deste ano.  

O objetivo da investigação é apurar possível ato de improbidade administrativa na contratação, sem licitação, firmada com a "Carvalho e Oliveira Advogados Associados" pela Prefeitura de Miguel Leão.

  • Foto: Prefeitura de Miguel LeãoPrefeito Joel de LimaPrefeito Joel de Lima

O promotor determinou que seja expedido notificação ao prefeito para que apresente, no prazo máximo de 05 dias úteis, a contar do recebimento do respectivo ofício, cópia de todo o procedimento licitatório que envolve a contratação da do escritório de advocacia.

Outro lado

O Viagora não conseguiu contato com o prefeito Joel de Lima para comentar o caso. O espaço está aberto para esclarecimentos.