Política

Regina Sousa critica Polícia Civil em ação contra filho de Lula

Além disso, a parlamentar responsabilizou o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin.
ISABELA DE MENESES
13/10/2017 09h53 - atualizado

A senadora Regina Sousa (PT-PI) criticou, na última quarta-feira (11), a ação da Polícia Civil de São Paulo, durante uma busca por drogas na casa de Marcos Cláudio Lula da Silva, filho adotivo do ex-presidente Lula.

Além disso, a parlamentar responsabilizou o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, também declarou que a ação, que aconteceu na terça-feira, dia 10, foi inaceitável e grave, fruto de uma denúncia anônima.

  • Foto: Waldemir Barreto/Agência SenadoSenador Regina Sousa (PT-PI)Senador Regina Sousa (PT-PI)

Segundo a Agência Senado, a senadora disse que os jornais publicaram notícias fantasiosas somente para influenciar a opinião dos brasileiros, levando estes cidadãos a acreditarem que o filho do ex-presidente é traficante.

“Boa parte dos brasileiros, hoje, tão achando que o filho do Lula é traficante, porque as pessoas botam lá: ‘Polícia invade casa do filho do Lula em busca de droga’. Agora, não botam lá que não encontrou”, disse a senador petista.

Mais conteúdo sobre: