Política

Senado aprova alongamento de dívidas dos estados

A medida visa ajudar no equilíbrios das contas de estados e municípios.
GABRIEL SOARES
21/06/2017 10h34 - atualizado

A Comissão de Assuntos Econômicos do Senado aprovou o Projeto de Resolução do Senado (PRS) 22/2017. A ação facilita a negociação de dívidas e a contratação operações de crédito com garantia da União para os estados, Distrito Federal e municípios. Wellington Dias comemorou a aprovação e agradeceu o empenho e presença dos senadores piauienses, Regina Sousa, Elmano Ferrer e Ciro Nogueira.

  • Foto: Divulgação/Governo do EstadoWellington Dias se reúne comWellington Dias se reúne com

O senador Elmano Ferrer destacou a presença do Governador Wellington Dias e disse que ele tem desempenhado importante papel de articulador, liderando a mobilização dos governadores do Nordeste e do Brasil com vistas a esta negociação que interessa aos estados.

"Para o Piauí essa aprovação significa a possibilidade de ter mais recursos para investimentos.São cerca de R$ 180 milhões que poderão ser utilizados em importantes obras, a exemplo da Trasnordestina e da BRs 135 e 407. Teremos as condições de cuidarmos de forma emergencial dos pontos críticos que foram identificados, fazer a sinalização e ajudar a salvar vidas", destacou o chefe do executivo piauiense.

A aprovação do Projeto de Resolução do Senado (PRS) 22/2017 permite que os contratos dos estados com o BNDES possam ser alongados por mais 10 anos.

O governador enfatizou que na reunião realizada com a presença do presidente da República e com o ministro Henrique Meireles ficou acertado que até 30 de julho será celebrado esse contrato com os estados brasileiros, alongando a dívida do BNDES para mais investimentos. “Isso é uma vitória importante do povo do Piauí”, concluiu.

Mais conteúdo sobre: