Piauí

Servidores do estado que perderam prazo ainda podem atualizar dados

O recadastramento do servidor público foi feito em 2015 e atualização cadastral será feita a cada dois anos.
VITOR FERNANDES
07/08/2017 18h15 - atualizado

Desde 2015, os servidores públicos estaduais devem realizar atualização cadastral a cada dois anos. O Governo informou que as pessoas que nasceram nos meses de janeiro, fevereiro e março, e que perderam o prazo, têm uma nova oportunidade de atualizarem seus dados.

O prazo encerrou-se no dia 21 de julho. O Secretário de Administração e Previdência, Franzé Silva, afirmou que quem perdeu o prazo “não vai precisar esperar até o mês de novembro, que é o prazo para os remanescentes".

  • Foto: Divulgação/SeadprevSecretário de Administração, Franzé SilvaSecretário de Administração, Franzé Silva

Cerca de sete mil servidores nascidos nos três primeiros meses do ano ainda precisam fazer essa atualização de cadastro. Quem não respeitar esse novo prazo, sofrerá penalidades. "Caso não consigam fazer a atualização com mais esta oportunidade, o salário será retido e eles terão que vir pessoalmente na Secretaria de Administração", afirmou Franzé Silva.

De acordo com o secretário, com essa medida de atualização, foi possível descobrir várias irregularidades como servidores que já morreram e continuavam recebendo salário e acúmulos de cargos inconstitucionais, o que permitiu, segundo ele, uma economia de R$ 21 milhões ao estado.

Para realizar a atualização dos dados cadastrais, clique aqui. Você também pode fazer isso através do aplicativo “Piauí na Palma da Mão”.

As próximas datas de atualização dos servidores são as seguintes:

Abril/ Maio/ Junho - De 22.07 a 21.08
Julho/ Agosto/Setembro - De 22.08 a 21.09
Outubro/ Novembro/Dezembro - De 22.09 a 21.10
Remanescentes - De 22.10 a 06.11.