Política

Temer não planeja continuar na política depois do mandato atual

"Já cumpri meu papel", alegou Presidente.
VITOR FERNANDES
05/05/2017 16h16 - atualizado

O Presidente Michel Temer (PMDB) disse que não planeja continuar na política após o fim de seu mandato em 2018, já que pra ele é importante abrir espaço para novas lideranças. Em entrevista à Rede TV, ele afirma que não tem intenção de se aposentar quando o mandato presidencial terminar.

"Aposentar-me, nunca, jamais. Mas eu não tenho nenhuma intenção de continuar na atividade política. Acho que já prestei... É um pouco pretensioso dizer que prestou serviço, né? Mas, já cumpri o meu papel", disse.

  • Foto: AscomPresidente Michel TemerPresidente Michel Temer

Na entrevista concedida, Temer aproveitou para comentar sobre as Reformas Política e Trabalhista, propostas por ele. O presidente disse que quem é contrário às reformas, especialmente a previdenciária, faz "a campanha dos poderosos." Ele disse, ainda, que a não aprovação dos projetos interessa às pessoas de maior poder econômico.

“Quem está fazendo campanha são aqueles que ganham R$ 20, R$ 15, R$ 16 (mil reais) que tinham cinco anos a menos, para se aposentar, nós estamos equiparando o serviço público com à Previdência geral, nós estamos equiparando com a classe política, para que todos tenham as mesmas condições", disse o Presidente.

O peemedebista espera que as reformas deem certo e que não haja necessidade dele pedir para continuar.

Mais conteúdo sobre: