Política

Temer quer suspensão de nova denúncia até o julgamento de Janot

O presidente afirma que Rodrigo Janot possui conduta imparcial.
JOSEFA GEOVANA
03/09/2017 14h16 - atualizado

O Presidente Michel Temer solicitou que o Supremo Tribunal Federal (STF), suspenda as investigações de uma nova denúncia contra ele. O presidente pediu que o andamento do processo aconteça somente após o julgamento do pedido de suspeição do procurador-geral da República Rodrigo Janot, pois de acordo com Temer, Janot possui conduta imparcial.  

  • Foto: Lula Marques/AGPTPresidente Michel Temer (PMDB)Presidente Michel Temer (PMDB

Após o Ministro Edson Fachin rejeitar o pedido de afastamento de Janot durante as investigações da denúncia contra o Presidente, a defesa de Temer entrou com um recurso para anular a decisão do ministro Fachin.

A defesa de Temer afirma que Janot divulgou uma série de incertezas e fatos incerto a respeito do Presidente, o que deixa claro sua imparcialidade, e pedem que o Ministro Edson Fachin reconsidere a decisão individual, tornando suspensa por um certo período a tramitação da nova acusação contra Temer