Geral

Trabalhadores dos Correios entram em greve por tempo indeterminado

O movimento foi iniciado as 22h desta quarta-feira (27) em todo o Brasil.
GABRIEL SOARES
27/04/2017 12h09 - atualizado

Os Funcionários dos Correios deflagraram greve nesta quarta-feira (26), as 22h, por tempo indeterminado. O movimento é motivado por questões trabalhistas pela possível privatização da empresas.

De acordo com Dídimo Gomes, funcionário dos Correios e membro do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios do Piauí (SINTECT-PI), algumas pautas em trâmite na diretoria da empresa tem desagradado os trabalhadores do setor, como a retirada de benefícios dos trabalhadores e a venda da empresa à iniciativa privada.

  • Foto: DivulgaçãoCorreiosFuncionários dos Correios deflagraram reve nesta quarta-feira (26)

“Nós queremos que a empresa tire algumas situações que estão em pautas, como a privatização dos correios e a retirada de benefícios como o plano de saúde, entre outras coisas”, pontuou.

O sindicalista também afirmou que  embora o serviço nunca chegue a parar por completo, não há avaliação sobre o funcionamento dos Correios durante o período. “Não temos previsão para determinar o funcionamento porque começamos a nos mobilizar agora pela manhã”, disse. 

Quando questionado sobre o posicionamento da empresa sobre o movimento, Dídimo afirmou que a empresa pressiona contra o greve. “A empresa se posiciona dando pressão. Já começou a fechar 250 agências no Brasil”. 

Mais conteúdo sobre: