Geral

Vacina brasileira poderá prevenir gestantes contra o zika vírus

Uma série de testes e estudos estão sendo produzidos pelo Instituto Evandro Chagas.
JOSEFA GEOVANA
22/09/2017 16h15 - atualizado

O Instituto Evandro Chagas (IEC) após uma série de estudos realizou testes pré-clínicos em camundongos e macacos na busca de uma imunização contra o zika vírus. Com apenas uma dose da imunização aplicada nos animais preveniu a transmissão e o contágio dos filhotes durante a gestação.

  • Foto: Portal BrasilGestante

O resultado dos estudos foram divulgados nesta sexta-feira (22), através da revista Nature Communications. Os testes também foram feitos em camundongos machos, e ficou comprovado que o vírus reduz o número de espermatozoides dos camundongos levando a esterilidade. A mesma experiência ainda não foi realizada em macacos machos, e não há comprovação de que o zika cause esse mesmo efeito em humanos.

Os testes foram feitos em instituições parceiras da pesquisa: a Universidade do Texas, Universidade Washington e no Instituto Nacional de Saúde (NIH). Os resultados foram considerados positivos, pois o principal objetivo era impedir que o vírus causasse a microcefalia e alterações no sistema nervoso dos animais testados.

Aproximadamente R$ 7 milhões do Ministério da Saúde devem ser destinados para serem utilizados durante os cinco anos de desenvolvimento e produção da vacina. Os teste em humanos serão feitos a partir de 2009.

Mais conteúdo sobre: