Piauí

Vereadores de Teresina aprovam LDO de 2018 por unanimidade

A lei agora segue para sanção do prefeito Firmino Filho. O texto da LDO de 2018 mostra as prioridades gerais da administração pública voltadas para cinco eixos.
ISABELA DE MENESES
08/07/2017 11h58

A Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para o exercício de 2018 em Teresina foi aprovada por unanimidade pela Câmara Municipal de Teresina. O documento prevê investimentos de R$ 3.120.481.000,00 com receitas próprias do município e também captadas por outras fontes de recursos.

A lei agora segue para sanção do prefeito Firmino Filho. O texto da LDO de 2018 mostra as prioridades gerais da administração pública voltadas para cinco eixos, inclusão social, qualidade de vida, sustentabilidade ambiental, produtividade econômica e governança.

  • Foto: DivulgaçãoFirmino FilhoFirmino Filho

Os vereadores aprovaram o projeto que prevê recursos de R$ 1.426.600.00,00 em receita própria, 5% a mais do que a receita prevista para este ano. Os outros recursos são de repasses constitucionais, convênios com Governo Federal e operações de crédito junto ao Banco Mundial e ao Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF).

 “A Prefeitura de Teresina vai iniciar agora os tramites junto ao Governo Federal para contratação dessa operação de crédito. Os investimentos desse financiamento serão destinados a projetos como de acessibilidade e requalificação de calçadas do Centro, a terceira etapa da Reforma do Mercado Central”, disse o secretário municipal de Planejamento e Coordenação, Washington Bonfim.

Mais conteúdo sobre: