Coluna do Viagora

Coluna do Viagora

Contato: (86) 3232-4940 - E-mail: redacao@viagora.com.br

No Piauí Ciro Nogueira quer Lula e em Brasília apoia Rodrigo Maia

10/01/2018 08h02 - atualizado

O senador piauiense Ciro Nogueira anda se comprometendo com duas opções à presidência da República. No Piauí, ele diz que votará em Lula, mas em Brasília, disse a Rodrigo Maia que apoia sua candidatura ao Planalto. O problema é que as eleições ocorrem este ano e se os dois (Lula e Maia) forem candidatos, Ciro só poderá subir em um palanque.

  • Foto: Josefa Geovana / ViagoraCiro NogueiraCiro Nogueira

O senador, presidente do Progressistas, é aliado do PT no Piauí, nos últimos meses tem fortalecido sua imagem no estado, trazendo recursos em diversas áreas. Na última semana, o ministro das Cidades Alexandre Baldy [que é indicação do senador] esteve em Teresina, junto com o presidente da Caixa Econômica, anunciando liberação de verba para diversos municípios.

  • Foto: Reprodução/FacebookO ex-presidente Lula é denunciado pela terceira vez na Lava JatoO ex-presidente Lula

No site do jornal O Globo, o jornalista Lauro Jardim publicou que Ciro Nogueira já fechou acordo com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, concedendo assim o tempo de propaganda eleitoral do Progressistas, que hoje tem uma bancada com 47 deputados federais.

  • Foto: Marcelo Camargo/ Agência BrasilDeputado Rodrigo Maia (DEM)Deputado Rodrigo Maia (DEM)

Visando a reeleição este ano, Ciro tem que conquistar a ala petista e calar os gritos de “golpista” e “traidor”, mas se romper o acordo com Maia, pode sofrer represálias e não ter tanto trânsito em Brasília, caso um político do chamado “centrão” vença o pleito.

A verdade é que Ciro, hoje, é um dos políticos mais influentes do país. No Piauí então é, de longe, o candidato com maior poder de barganha. Se Lula não for candidato, a posição do senador fica mais fácil.  E se o petista conseguir a candidatura?

Mais na Web