Política

"A chapa de oposição pode ser Ciro e Sílvio Mendes", diz Júlio Arcoverde

Segundo o deputado, durante reunião realizada entre Progressistas e PSDB ficou definido que não haverá candidaturas separadas dos dois partidos.
14/07/2021 06h31 - atualizado

O presidente estadual do Progressistas no Piauí, o deputado Júlio Arcoverde, falou nessa terça-feira (13) sobre a reunião de lideranças do partido com o PSDB, destacando que ficou decidido que as duas legendas estarão juntas nas eleições de 2022.

Segundo o parlamentar, durante o encontro ficou determinado que o Progressistas e PSDB estarão juntos nas eleições do próximo ano, descartando qualquer possibilidade das legendas terem candidaturas separadas.

  • Foto: Luís Marcos/ViagoraDeputado Júlio ArcoverdeDeputado Júlio Arcoverde (Progressistas)

“O importante da reunião foi que nós podemos marchar juntos, tirou qualquer dívida em relação a candidaturas separadas do Progressistas e do PSDB”, afirmou o deputado.

Júlio Arcoverde ressalta ainda que se as eleições fossem hoje, a chapa seria composta pelo senador Ciro Nogueira como a cabeça de chapa, e Sílvio Mendes como vice, mas pondera que ainda serão realizadas algumas pesquisas.

“A chapa da oposição hoje seria Ciro governador, e um representante da cidade de Teresina, que acredito que poderia ser dr. Silvio Mendes, mas nós decidimos que vamos fazer uma coisa bem planejada, vamos fazer algumas pesquisas", pontua Júlio Arcoverde.

Mais na Web