Polícia

Bandidos invadem creche no bairro Torquato Neto em Teresina

Os bandidos renderam os funcionários do Centro Municipal de Educação Infantil Ariano Suassuna e levaram celulares.
08/08/2018 12h02 - atualizado

Na manhã desta quarta-feira (8), criminosos invadiram o Centro Municipal de Educação Infantil Ariano Suassuna, no bairro Torquato Neto, zona Sul de Teresina. Os bandidos renderam os funcionários do local e levaram celulares.

  • Foto: Divulgação/AscomCentro Municipal de Educação Infantil Ariano Suassuna.Centro Municipal de Educação Infantil Ariano Suassuna.

Segundo informações do subcomandante do 17ºBPM, major Francisco Melo, os assaltantes Centro Municipal de Educação Infantil Ariano Suassuna teriam invadido o local e rendido os funcionários. “Eram dois homens, um deles teria ficado do lado de fora escondido e o outro, que estava armado, foi até o portão, rendeu o vigia e conseguiu adentrar no local. Após isso, ele rendeu alguns funcionários e professores, tendo tomado em assalto os celulares destes”, relatou.

O subcomandante informou ainda que, ao sair da creche, os bandidos teriam se deparado com um homem, ainda não identificado, que seria um policial militar. “Ao sair da creche, eles teriam avistado um policial e realizado disparos contra ele. O homem teria revidado os disparos, mas ninguém foi atingido”, explicou.

Apesar do confronto, ninguém saiu ferido. Os criminosos conseguiram empreender fuga e ainda estão foragidos. A Polícia Militar está investigando o caso.

Sobre a ocorrência, a Secretaria Municipal de Educação (Semec), emitiu nota.

Confira a nota na íntegra:

A Secretaria Municipal de Educação (Semec) informa que assaltantes armados invadiram, nesta manhã, o Centro Municipal de Educação Infantil Ariano Suassuna, rendendo agente de portaria e equipe escolar. Na ocasião, foram furtados celulares dos professores e houve troca de tiros com a polícia do lado de fora da creche. A Semec lamenta mais um caso de violência em escola de Teresina e pede providências dos órgãos de segurança pública.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web