Política

Bolsonaro diz que não vai financiar produções com o tema LGBT

O presidente afirmou que irá vetar verbas da Ancine que seria para investir na produção de filmes e séries da categoria.
  • DA REDAÇÃO
17/08/2019 12h20 - atualizado

O presidente Jair Bolsonaro disse, na quinta-feira (15), que não vai financiar produções com temas LGBT. Afirmou ainda que irá vetar verbas da Agência Nacional do Cinema (Ancine) que seriam destinadas a obras dessa categoria. Com informações do G1.

Bolsonaro se refere à quatro obras que participaram de um edital realizado pela Ancine que são: “Afronte”, “Transversais”, “Religare Queer” e “O sexo reverso”, projetos de séries que foram anunciadas em março deste ano. "É um dinheiro jogado fora. Não tem cabimento fazer um filme com esse tema”, disse o presidente durante uma transmissão em sua conta do Facebook.

Em outro ponto da transmissão, Jair chegou a comentar sobre as obras. "Uma se chama Transversais, olha o tema: 'Sonhos e realizações de cinco pessoas transgêneros que moram no Ceará'. O filme é isso daqui, conseguimos abortar essa missão. Eu não entendi nada (sobre Afronte) olha, a vida particular de quem quer que seja ninguém tem nada a ver com isso, mas fazer um filme sobre isso, confesso que não dá para entender então mais um filme que foi pro saco aí. É o enredo do filme, dinheiro público e outra, geralmente esses filmes não têm audiência, não têm plateia, têm meia dúzia ali. São milhões gastos”, afirmou Bolsonaro.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web