Piauí

Campanha “Deixe a Faixa da Esquerda Livre” é lançada pelo Samu

A campanha visa conscientizar os condutores que não facilitam a passagem das ambulâncias com sirene ligada na capital.
01/10/2018 16h20 - atualizado

Uma nova campanha de conscientização foi lançada em Teresina, desta vez pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), para que os motoristas colaborem na passagem das ambulâncias com sirene ligada na capital.

  • Foto: Divulgação / PMTAmbulância do SamuAmbulância do Samu

A campanha recebeu o nome de “Deixe a Faixa da Esquerda Livre” para que os condutores ao ouvir o som das sirenes liberem a faixa da esquerda, utilizando somente a faixa da direita, para que as ambulâncias possam passar e circular mais rápido chegando ao seu destino com o intuito de facilitar no atendimento aos pacientes da urgência.

 “Quando a população libera a faixa da esquerda, a ambulância consegue chegar mais rápido ao seu local de destino. Esta ação contribui para salvar vidas, principalmente a dos pacientes acometidos por agravos agudos (tempo-dependentes)”, disse a diretora geral do Samu, Francisca Amorim.

A campanha também faz uma alerta aos condutores para que tomem cuidado com o trânsito e verifiquem com cuidado a via ao mudar de faixa para não provocar acidentes. “O meu pedido é que se ele estiver obstruindo a via da esquerda e for se deslocar para a da direita, tome cuidado, desloque-se com segurança e sinalize aos outros motoristas, para evitar acidentes”, explicou o condutor do Samu Carlos Vilaça.

A campanha também tem o apoio da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans). De acordo com o coronel Jaime Viana, a Strans reconhece a atitude incorreta de alguns condutores que não liberam a faixa para a passagem das ambulância. “Pedimos aos cidadãos que deem passagem pela faixa da esquerda para que a ambulância com sirene ligada possa passar. Isto está previsto no Código de Trânsito Brasileiro e não podíamos orientar diferente”, relatou.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web