Polícia

Casal é preso no Ceará acusado de matar Jeana Camila em Piripiri

Segundo a PRF, informações apontam que a mulher presa é integrante do PCC e que a motivação dos crimes tenha sido um acerto de contas.
13/11/2020 11h40

Um homem de 18 anos e uma mulher de 39 anos foram presos na madrugada desta sexta-feira (13) pela Polícia Rodoviária Federal dos estados do Piauí e do Ceará e policiais militares do Piauí.

Eles são acusados de participar do assassinato de duas pessoas na cidade de Piripiri. A ação foi desencadeada quando os policiais abordaram o veículo VW/VOYAGE TL MB na BR 22 na cidade de Sobral/CE.

De acordo com PRF, os policiais receberam a informações de que o veículo havia sido utilizado durante o assassinato de uma mulher de 29 anos na manhã dessa quinta-feira (12) e também no assassinato de um homem durante a noite do mesmo dia.

  • Foto: Divulgação/PRFCasal é preso acusado de assassinar duas pessoasCasal é preso acusado de assassinar duas pessoas

Segundo a polícia, o homem que estava no veículo é acusado de ser um dos executores dos assassinatos e a mulher já possui passagens pela polícia no Piauí e em São Paulo pelos crimes de tráfico de drogas e estelionato.

Informações repassadas à polícia apontam que a mulher presa é integrante do Primeiro Comando da Capital (PCC) e a hipótese inicial é de que a motivação dos crimes tenha sido um acerto de contas entre traficantes da região.

O casal foi recebido em Tianguá/CE por equipes da PRF e PM do estado do Piauí para serem conduzidos até a cidade de Piripiri/PI. Desta forma, o casal foi conduzido com o veículo até à Polícia Civil na cidade de Piripiri/PI para os procedimentos necessários. Eles responderão pelo crime de Homicídio Qualificado.

Entenda o caso 

Nessa quinta-feira (12) duas pessoas, identificadas como Jeana Camila do Amaral Oliveira e Maciel, foram assassinadas a tiros no município de Piripiri.

Jeana foi morta durante a tarde enquanto pilotava uma motocicleta no bairro Germano e Maciel foi alvo de tiros durante a noite. A suspeita da polícia é de que as mortes tenham sido um acerto de contas entre traficantes da região e que a autoria dos crimes esteja relacionada a membros do PCC.

Mais na Web