Polícia

Conselheira é atacada ao atender vítima de agressão em Teresina

Segundo informações do Conselho, um rapaz tentou, sem êxito, esfaquear a profissional, que travou luta corporal com ele.
18/11/2020 11h36 - atualizado

Uma conselheira tutelar sofreu uma tentativa de assassinato ao atender uma adolescente que era agredida pela própria mãe. O caso aconteceu na tarde dessa terça-feira (17) no bairro Santa Maria da Codipi, zona norte de Teresina.

De acordo com informações, um hospital procurou o Conselho Tutelar da capital para comunicar que uma adolescente tinha dado entrada na instituição após ser agredida por um membro da família.

A profissional foi ao hospital averiguar a situação e encontrou a adolescente e uma amiga no local, que foram levadas para o Conselho, onde ficou decidido que a garota seria levada para um abrigo ou para a casa de outro familiar. A conselheira foi até a casa da vítima para buscar os documentos dela quando foi atacada por um homem com uma faca.

Segundo informações do Conselho, um rapaz tentou, sem êxito, esfaquear a profissional, que travou luta corporal com ele. O motorista que acompanhava a mulher jogou o carro para cima do suspeito, que tentou novamente acertar a conselheira. O homem só se afastou quando o motorista desceu do carro e agiu como se estivesse armado.

  • Foto: Divulgação/TV ClubeSuspeitos que tentaram visitar a jovem estavam com faca e muniçõesSuspeitos que tentaram visitar a jovem estavam com faca e munições

O Conselho Tutelar informou ainda que três rapazes e a moça que levou a jovem ao hospital foram procurá-la, mas que um deles parecia suspeito. A Polícia Militar e a Guarda Municipal foram acionado e fizeram a revista nos jovens. Na mochila de um deles foram encontradas uma faca e munições.

Os suspeitos foram levados para a Central de Flagrantes de Teresina para a realização dos procedimentos cabíveis ao caso. A conselheira tutelar passa bem.

Mais na Web