Esportes

Corpo do goleiro Christian é sepultado ao som do Hino do Flamengo

O atleta foi um dos 10 mortos no incêndio da última sexta-feira (8) em um dos alojamentos do Ninho do Urubu.
  • DA REDAÇÃO
10/02/2019 15h54 - atualizado

Neste domingo (10), o Hino do Flamengo foi cantado no Cemitério de Irajá, pelas centenas de pessoas que acompanharam o sepultamento do corpo do goleiro Christian Esmério, de 15 anos.

O atleta foi um dos 10 mortos no incêndio da última sexta-feira (8) em um dos alojamentos do Ninho do Urubu,como é conhecido popularmente o Centro de Treinamento Presidente George Helal, na zona oeste do Rio de Janeiro. O sepultamento ocorreu às 12h30

Parentes, amigos e muitos torcedores do clube foram ao enterro e fizeram questão de homenagear o jovem atleta que, em sua curta carreira, já tinha defendido a Seleção Brasileira e era conhecido por um futuro brilhante. Na capela onde o corpo foi velado, o caixão fechado foi coberto pelas camisas do Flamengo e da Seleção Brasileira, com os troféus que ele ganhou em sua breve carreira.

Goleiro do Flamengo e da Seleção Brasileira Sub-15, Christian nasceu em Madureira, na zona norte do Rio, e foi convocado pela primeira vez em novembro do ano pasado. Em janeiro deste ano, foi convocado para atuar na categoria Sub-17. 

Até momento, foram identificados e liberados para sepultamento pelo Instituto Médico-Legal (IML) os corpos de oito dos 10 jogadores mortos.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web