Coronavírus no Piauí

Covid-19: CCJ da Alepi aprova prioridade para jornalistas na vacinação

Segundo a proposta, a atividade jornalística é essencial durante a pandemia e, o projeto visa inserir na prioridade os profissionais que não estejam trabalhando em home office.
13/05/2021 11h25 - atualizado

Na última terça-feira (11), a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), da Assembleia Legislativa do Piauí (Alepi) emitiu parecer favorável ao projeto de lei do deputado Júlio Arcoverde (Progressistas), que pede a inclusão de jornalistas como prioridade na vacinação contra a Covid-19.

A proposta também será encaminhada para a Comissão de Educação, Cultura e Saúde (CECS) que também deverá emitir um parecer e, posteriormente o projeto será enviado para votação no plenário.

  • Foto: Laís Vitória/ViagoraDeputado Júlio ArcoverdeDeputado Júlio Arcoverde.

Segundo o parlamentar, a proposta leva em consideração que a atividade jornalística é essencial durante a pandemia e, portanto, o Projeto de Lei visa inserir como prioridade na campanha de vacinação, no estado do Piauí, os jornalistas que não estejam em regime de trabalho home office.

De acordo com a proposta, o profissional deverá comprovar o seu sistema de trabalho, jornada, através de contrato de trabalho e de declaração do empregador.

Mais na Web