Coronavírus no Piauí

Covid: Ministério Público lamenta morte do desembargador Nildomar Soares

Nidomar era desembargador aposentado do Tribunal de Justiça do Piauí e morreu na tarde desse domingo (22) aos 86 anos.
23/08/2021 08h41 - atualizado

Nesse domingo (22), o Ministério Público do Piauí (MPPI) emitiu uma nota de pesar lamentando a morte do desembargador aposentado Nildomar da Silveira Soares, de 86 anos, vítima da Covid-19.

Nildomar estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em um hospital particular de Teresina para tratar da doença, mas não resistiu e faleceu na tarde de ontem.

  • Foto: Divulgação/APLNildomar da Silveira Soares.Nildomar da Silveira Soares.

Segundo o MPPI, Nildomar era desembargador aposentado do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI), além de magistrado, imortal da Academia Piauiense de Letras, ex-presidente da OAB Piauí e notório jurista.

Em nota, o MPPI se solidarizou com a família e amigos do desembargador aposentado. “Solidarizamo-nos com a família e os amigos enlutados e com o Tribunal de Justiça do Estado do Piauí, manifestando condolências”, diz trecho da nota.

Confira a nota na íntegra:

O Ministério Público do Estado do Piauí expressa profundo pesar pelo falecimento do Desembargador aposentado Nildomar da Silveira Soares, grande magistrado, imortal da Academia Piauiense de Letras, ex-presidente da OAB Piauí e notório jurista.

Solidarizamo-nos com a família e os amigos enlutados e com o Tribunal de Justiça do Estado do Piauí, manifestando condolências.

Mais na Web