Coronavírus no Piauí

Covid: Novo cemitério deverá ser construído por falta de vagas em Teresina

Além da possibilidade de construir um novo cemitério, foi autorizada a negociação com o Cemitério Recanto da Saudade para que 10% dos jazigos cedidos sejam disponibilizados imediatamente.
08/04/2021 07h56 - atualizado

A Prefeitura de Teresina informou que devido à alta no número de mortes pela Covid-19 na cidade e a falta de vagas no sistema funerário, a Superintendência de Ações Administrativas Descentralizadas Sudeste (SAAD Sudeste) planeja a construção de um novo cemitério na região.

Segundo a prefeitura, a questão foi discutida entre o prefeito Dr. Pessoa (MDB) e o superintendente da SAAD Sudeste, Zé Nito. Além possibilidade da construção de um novo cemitério, foi autorizada a negociação com a administração do Cemitério Recanto da Saudade para que os 10% dos jazigos cedidos, conforme determina a Lei, pelo cemitério particular ao município, sejam disponibilizados de forma imediata para o sepultamento de vítimas de Covid-19 na capital.

  • Foto: Divulgação/Prefeitura de TeresinaSAAD Sudeste deve construir novo cemitério devido falta de vagas na regiãoSAAD Sudeste deve construir novo cemitério devido falta de vagas na região

“Se necessário, terá disponível no Cemitério Recanto da Saudade cerca de 312 sepulturas. Quanto à construção do novo cemitério, o prefeito se mostrou bastante sensível e já iniciamos as buscas por um local apropriado para que essa situação seja sanada o mais breve possível”, comenta Zé Nito.

Ainda segundo o superintendente da SAAD Sudeste, conforme a determinação da Prefeitura de Teresina, em caso de falta de vaga em um cemitério público da região, o sepultamento pode ser transferido para o de outra zona de Teresina.

Mais na Web