Piauí

Eleitor cola tecla 7 e Branco de urna eletrônica em Massapê do PI

A inciativa atrapalhou a votação e a urna eletrônica acabou sendo substituída pelo presidente da sessão eleitoral.
29/10/2018 11h00 - atualizado

Um eleitor desconhecido da cidade de Massapê do Piauí, virou notícia ontem após colar as teclas 7 e Branco da urna eletrônica durante o período de votação. O caso inusitado foi confirmado pelo presidente do Tribunal Regional do Piauí (TRE-PI), Sebastião Ribeiro Martins.

“O eleitor ao votar colocou cola na tecla número 7 e na tecla em Branco, impossibilitando assim que o eleitor seguinte conseguisse votar. Mas essa urna foi substituída imediatamente pelo presidente da sessão, que comunicou ao cartório e o eleitor será processado”, disse Sebastião Martins.

  • Foto: ReproduçãoUrna Eletrônica

Segundo o presidente do TRE-PI, tal ato é considerado um crime grave, contra um equipamento eletrônico da Justiça Eleitoral. “A urna eletrônica é um símbolo da democracia, da cidadania. Nós temos que respeitar a democracia, e no regime democrático o que prevalece é a vontade da maioria dos eleitores expresso nas urnas”, explicou.

Um total de 59 urnas eletrônicas foram substituídas durante a votação do segundo turno no Piauí, devido a problemas mecânicos. No primeiro turno o número registrado foi superior a 90. Com relação à segurança durante o pleito eleitoral, o presidente do TRE-PI disse que três pessoas foram presas na cidade de Parnaíba, após serem flagradas tirando fotos do voto.

Tirar foto da urna eletrônica no momento da votação é considerado crime eleitoral pelo Código Eleitoral. Os eleitores foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil para assinar um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO).

Mais na Web