Piauí

Estações de ônibus são alvos de furtos e vandalismo em Teresina

Segundo o levantamento realizado pela Strans, foram contabilizados 15 boletins de ocorrência por furtos e vandalismo.
06/10/2020 16h48 - atualizado

Um levantamento feito pela Superintendência de Transportes e Trânsito (Strans), aponta que as estações de ônibus do Corredor da Miguel Rosa foram as que mais sofreram furtos de março a setembro deste ano.

Com 15 boletins registrados, foram contabilizados furtos de 226 lâmpadas, 21 tubulações de cobre, 13 cortinas de ar, oito cabos de cobre de ar-condicionado, sete cabos de iluminação e duas evaporadoras de ar.

  • Foto: Divulgação/StransEstações de ônibus da Miguel Rosa sofrem com furtos e vandalismoEstações de ônibus da Miguel Rosa sofrem com furtos e vandalismo

O superintendente da Strans, Weldon Bandeira, ressalta que os furtos e atos de vandalismo dos equipamentos públicos geram gastos que poderiam ser investidos em outros setores. “Lamentamos muito esse tipo de conduta. Além dos furtos de cabos e lâmpadas, também temos registros de atos de vandalismo. São esquadrias de vidros quebradas, além de corrimões e guarda-corpos danificados”, informa.

A Strans estpa realizando a reposição dos equipamentos furtados e danificados para manter as estações em bom funcionamento e evitar transtornos aos usuários, e a Guarda Municipal está reforçando a fiscalização para evitar novos furtos.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web