Geral

Ex-candidato do PT que estuprou cadela é encontrado morto em Goiás

De acordo com a Polícia Militar (PM) de Araguari, o ex-candidato Sandoval Leão teria cometido suicídio, e junto ao corpo foi encontrada uma carta.
11/11/2020 18h34 - atualizado

O ex-candidato do PT da cidade de Caldas Novas, em Goiás, acusado de estuprar uma cadela, foi encontrado morto no sábado (07).

De acordo com a Polícia Militar (PM) de Araguari, o ex-candidato a vereador Sandoval Leão teria cometido suicídio, e junto ao corpo foi encontrada uma carta em que ele pedia perdão à filha, aos amigos e ao ex-presidente Lula.

Segundo a polícia, na sexta-feira (06), Sandoval Leão chegou a pedir atendimento médico em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), e que também teria ido à delegacia para registrar a perda de documentos.

Sandoval era procurado desde que foi filmado, no dia 2 de novembro, estuprando uma cadela dentro de uma casa. Na ocasião, ele conseguiu fugir da cidade.

Mais na Web