Polícia

Ex-PM acusado de matar estudante em Valença será transferido para Picos

O ex-soldado da PM do Ceará é acusado de matar a estudante de Direito Suellen de 21 anos, em outubro de 2016, na cidade de Valença.
11/06/2021 08h54 - atualizado

Na última terça-feira (08), o juiz de direito Franco Morette Felício de Azevedo, da Vara Criminal da Comarca de Valença do Piauí, determinou a transferência do ex-soldado da Polícia Militar do Ceará, Rafael do Nascimento Oliveira Rosa, para a Penitenciária José de Deus Barros, em Picos.

O ex-PM está preso no Ceará sob a acusação de matar a estudante de Direito Suellen Marinheiro Lula, de 21 anos, em outubro de 2016, na cidade de Valença do Piauí.

  • Foto: Divulgação/PMRafael do Nascimento Oliveira Rosa.Rafael do Nascimento Oliveira Rosa.

De acordo com a denúncia apresentada pelo Ministério Público, após negar-se a pagar a entrada de uma festa em um bar, organizada pela família da vítima, Rafael teria disparado com uma arma de fogo contra a jovem. Conforme o exame cadavérico, Suellen morreu com um tiro na cabeça.

  • Foto: Divulgação/FacebookSuellen Marinheiro Lula.Suellen Marinheiro Lula.

O juiz determinou o envio de ofício ao corregedor da Polícia Militar do Piauí para que promova a remoção, assim como solicite-se ao diretor da Penitenciária Masculina de Picos, vaga para recebimento do preso.

O ex-soldado Rafael do Nascimento Oliveira Rosa era lotado na 1ª Companhia do 11º Batalhão da Polícia Militar de Tauá, no Ceará.

Mais na Web