Piauí

Ex-Procurador de Justiça Antônio Gonçalves Vieira morre da Covid-19

O ex-procurador estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular em São Paulo.
  • VIVIANE ROCHA
02/12/2020 18h01 - atualizado

Morreu na tarde desta quarta-feira (02), o ex-procurador Geral de Justiça, Antônio Gonçalves Vieira, de 71 anos, em decorrência de complicações da Covid-19.

Segundo informações divulgadas, o ex-procurador estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital particular em São Paulo.

  • Foto: DivulgaçãoAntônio Gonçalves Vieira, ex-procurador Geral de Justiça.Antônio Gonçalves Vieira, ex-procurador Geral de Justiça.

Antônio Gonçalves Vieira nasceu no município de Castelo do Piauí, em 13 de agosto de 1949.

Ele formou-se no curso de Bacharelado em Direito, pela Universidade Federal do Piauí. Ingressou na carreira ministerial através de concurso público de provas e títulos no ano de 1981, assumindo o cargo de Promotor de Justiça Adjunto da 16ª zona Judiciária em São Raimundo Nonato. Antes Dr. Viera, como é conhecido, foi Policial Rodoviário Federal.

O Ministério Público do Piauí emitiu uma nota de pesar pela morte do ex-procurador.

Confira a nota na íntegra:

Com imenso e profundo pesar, o Ministério Público do Estado do Piauí comunica o falecimento do Procurador de Justiça Antônio Gonçalves Vieira, segundo decano entre os integrantes da instituição, patrimônio da História do parquet piauiense, profissional de excelência, querido e admirado entre seus pares e junto à sociedade.

Durante sua profícua e dedicada carreira, exerceu por duas vezes o cargo de Procurador-Geral de Justiça do Estado do Piauí, tendo conquistado diversos avanços para a instituição, entre elas a aquisição da atual sede da Procuradoria-Geral de Justiça, em 1993. Por sua iniciativa, foi promulgada a Lei Complementar nº 12/1993, a atual lei orgânica do Ministério Público. Atuou diligentemente nos trabalhos da Constituinte de 1988, na construção do novo perfil constitucional do Ministério Público brasileiro, e engajou-se na luta pela isonomia entre a magistratura e a carreira ministerial. Teve atuação decisiva no processo de valorização do orçamento do MPPI, inclusive no atual exercício. Exerceu por quatro vezes a presidência da Associação Piauiense do Ministério Público. Por seu vasto conhecimento histórico, presidiu a Comissão de Memória Institucional do MPPI, que coordenou a inauguração do Memorial.

O Procurador de Justiça Antônio Gonçalves Vieira construiu um valoroso e significativo legado. Foi um líder atencioso, trabalhador, competente, ético e inspirador durante os seus 39 anos de carreira ministerial, tendo conquistado admiração e respeito por onde passou.

A Procuradoria-Geral de Justiça decreta luto oficial de 03 (três) dias em homenagem à sua memória, informando que estão suspensos todos os eventos e festividades, assim com as demais atividades institucionais.

Nossa solidariedade à família enlutada e a todos os integrantes do Ministério Público do Estado do Piauí que tiveram o privilégio da sua convivência e aprendizado. Que neste momento de dor, possamos nos unir ainda mais em torno da memória de trabalho, dedicação e coragem que Dr. Vieira nos legou, e que honramos e agradecemos.

Mais conteúdo sobre:

Mais na Web