Coronavírus no Piauí

FMS abre agendamento para 1ª e 2ª doses de grupos essenciais

De acordo com a FMS, a segunda dose dos três imunizantes será liberada para as pessoas que têm a data registrada em seu cartão até o próximo domingo (08).
04/08/2021 16h20 - atualizado

Nesta quarta-feira (04), a Fundação Municipal de Saúde vai abrir novas vagas de agendamento para a vacinação contra a Covid-19 a partir das 18 horas.

Segundo a FMS, serão disponibilizadas vagas para grupos essenciais, além de agendamento para segunda dose dos três imunizantes, para pessoas que têm a data registrada em seu cartão até o próximo domingo (08).

Conforme a FMS, os grupos que poderão agendar a segunda dose da vacina nesta quarta são: pessoas com comorbidades, pessoas com deficiência permanente, trabalhadores da indústria, trabalhadores da construção civil, motoristas e cobradores de transporte coletivo, trabalhadores de transporte metroviário e caminhoneiros.

Já os grupos que poderão agendar para receber a primeira dose são: bancários, trabalhadores do Mercado Público, atendente de panificadoras, caixas de supermercado, trabalhadores da assistência social (SEMCASPI/SUAS), funcionários dos Correios, garçons e cozinheiros de restaurantes, bares e lanchonetes, atendente de panificadoras, músicos, taxistas e mototaxistas, profissionais da imprensa.

Para agendar, os grupos devem agendar sua dose através do site: http://vacinaja.fms.pmt.pi.gov.br/ e clicar no botão “agendamento público alvo” e escolher seu grupo prioritário.

De acordo com a FMS, o público da segunda dose deve apresentar os seguintes documentos: documento de identificação com foto, CPF ou cartão nacional do SUS e o cartão de vacinação com o registro da primeira dose. Já os grupos de primeira dose devem apresentar documento de identificação com foto, CPF ou cartão nacional do SUS e um e um comprovante de endereço que comprove que a pessoa reside em Teresina.

Cada grupo também deve apresentar documentos específicos como:

Pessoas com comorbidades:Laudo ou declaração que comprove a comorbidade, com assinatura e carimbo do profissional de saúde (original e cópia).

Pessoas com deficiência permanente:Laudo que comprove a condição clínica

Indústria e construção civil(Profissionais que atuam dentro das obras, como: Engenheiro, Arquiteto, Mestre de Obra, Pedreiro, Ajudante de obra, Armador, Pintor, Gesseiro, bombeiro hidráulico, Eletricista, Encanador, Carpinteiro): Documento que comprove a situação de trabalhador empregado de empresas industriais e de construção civil, como: Contracheque ou Contrato de prestação de serviço ou documento que comprove a atividade laboral (últimos 3 meses), do exercício efetivo da função, expedido pelo estabelecimento onde o trabalhador atua, no município de Teresina.

Motoristas e cobradores de transporte coletivo:Carteira de habilitação na categoria C, D ou E; Documento que comprove o exercício efetivo da função de motorista profissional do transporte. Contracheque ou Contrato de prestação de serviço ou documento que comprove a atividade laboral (últimos 3 meses), do exercício efetivo da função, expedido pelo estabelecimento onde o trabalhador atua, no município de Teresina.

Caminhoneiros: Documento que comprove o exercício efetivo da função de motorista profissional do transporte rodoviário de cargas (caminhoneiro). Contracheque ou Contrato de prestação de serviço ou documento que comprove a atividade laboral (últimos 3 meses), do exercício efetivo da função, expedido pelo estabelecimento onde o trabalhador atua, no município de Teresina. Os caminhoneiros autônomos devem apresentar nota de carga dos últimos 30 dias

Mais na Web