Polícia

Gaeco prende secretário e empresários durante operação em Itaueira

A Operação Perpetuatio foi deflagrada na manhã desta terça-feira (15), e cumpre mandados de prisão e busca e apreensão.
15/09/2020 11h45 - atualizado

Nesta terça-feira (15), durante a  Operação Perpetuatio, foi preso o secretário de transportes de Itaueira, Gaston de Sousa Cavalcante. A ação foi deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO).

A operação é para dar cumprimento à 15 mandados de busca e apreensão e 3 mandados de prisão temporária contra suspeitos de desvio de recursos públicos, lavagem de dinheiro e organização criminosa na Prefeitura de Itaueira.

De acordo com a polícia, além do secretário, dois empresários foram presos. Um deles é dono de uma empresa de locação de veículos.

Segundo a polícia, a investigação teve início esse ano e os indícios apontam que o atual prefeito do município, Quirino Avelino, é suspeito de liderar uma organização criminosa de fraude de licitações públicas e desvio de dinheiro público.

  • Foto: Divulgação/GaecoO Gaeco cumpre mandados na manhã desta terça-feira em Itaueira.O Gaeco cumpre mandados na manhã desta terça-feira em Itaueira.

O Gaeco encontrou ainda discrepâncias na nota fiscal da compra de uma ambulância para a Secretaria Municipal de Saúde, adquirida através da empresa Totalmax Serviços e Produtos, com sede em Santa Inês – MA, por R$ 79.500, em que o veículo apresentava chassi de outro correspondente a outro carro.

Segundo o Gaeco, também foram irregularidades em construções e reformas de obras públicas, em pavimentação de vias e constatou a não prestação adequada e fraudes no serviço de transporte escolar.

O nome da Operação, Perpetuatio, faz referência à perpetuação do gestor à frente do município de Itaueira, utilizando práticas fraudulentas para auferir vantagens ilicitas à frente da gestão pública.

Segundo o Gaeco, ao todo, estão sendo cumpridos 3 (três) mandados de prisão temporária e cerca de 15 mandados de busca e apreensão. Os presos serão ouvidos e seguirão para o Presídio Vereda Grande, localizado em Floriano.

Mais na Web