Polícia

Greco prende vigia suspeito de furtar testes de Covid-19 em Teresina

A polícia informou que o agente de portaria é suspeito de furtar os testes na noite da última quinta-feira, 28 de maio.
01/06/2020 18h40 - atualizado

Na tarde desta segunda-feira (1º), a Polícia Civil do Piauí,  em ação do Grupo de Repressão ao Crime Organizado - Greco, efetuou a captura de um agente de portaria que trabalha em um anexo do Procon, situado no Balão do São Cristóvão, na zona Leste de Teresina.

Segundo a polícia, neste mesmo prédio há um anexo da Fundação Municipal de Saúde da Prefeitura de Teresina, local de onde foram furtados 30 testes, lancetas e reagentes para Covid-19. 

A polícia informou que o agente de portaria identificado pelas iniciais F.A.N.O. é suspeito de furtar os testes na noite da última quinta-feira, 28 de maio,  quando estava cumprindo escala de serviço e teve acesso à sala onde estavam guardados vários desses testes. 

  • Foto: Divulgação/Polícia Civiltestes de Covid-19 que haviam sido furtadostestes de Covid-19 que haviam sido furtados

Segundo as investigações, os testes estavam sendo negociados por R$ 32,00 a unidade, no momento em que investigadores do Greco fizeram a abordagem. O investigado responderá por furto qualificado. 

O Greco disponibiliza o número de telefone 86 99991-0455 para denúncias anônimas e garante sigilo das informações. 

Mais na Web