Polícia

Homem mantém esposa em cárcere privado por 5 horas no bairro Promorar

Segundo a PM, após ser resgatada, a vítima foi socorrida por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência na zona Sul de Teresina.
24/06/2021 17h45 - atualizado

Nesta quinta-feira (24), um segurança foi preso suspeito de agredir e manter a esposa em cárcere privado por mais de cinco horas no bairro Promorar, na zona Sul de Teresina.

Conforme a Polícia Militar do Piauí, o acusado manteve a mulher em cárcere desde às 10h da manhã de hoje. A vítima estava sendo coagida e aparentemente apresenta sinais de violência.

A polícia informou que uma equipe da Patrulha Maria da Penha conversou com o suspeito, que estava muito agitado e a vítima chorava muito, e acredita que ele tenha batido nela.

Ainda de acordo com a PM, a vítima foi resgatada e em seguida socorrida por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

Segundo a polícia, o suspeito foi preso e encaminhado para a Central de Flagrantes para os procedimentos cabíveis ao caso. A Polícia Civil do Piauí irá ficar responsável pelo caso.

Mais na Web